Jean Piaget: A pioneira do privado

A Universidade Jean Piaget foi criada à luz do Decreto 44/01 de 6 de Julho. Começou com cerca de 20 alunos, em 1999, no PUNIV de Viana-Luanda, onde se fazia uma formação propedêutica para o ensino superior, com o objectivo de formar o homem, na sua visão integral, humanística e ecológica.

No ano a seguir, procedeu-se à inauguração da universidade pelo então presidente da Assembleia Nacional, Roberto de Almeida.

Passaram a ser ministrados os cursos de Direito, Psicologia, Sociologia e Enfermagem. Gradualmente foram inseridos outros cursos a partir de 2000.

Hoje, volvidos dez anos, esta instituição ministra 16 cursos, sendo seis do departamento de Ciências Sociais e Humanas (Direito, Sociologia, Psicologia Clínica, Motricidade Humana, Economia, Gestão, Ensino do Português e Línguas Nacionais), cinco do departamento de Ciências Tecnológicas (engenharias de Electromecânica, Construção Civil e Ordenamento do Território, Pesquisa e Produção de Petróleos, de Refinação em Petróleos e Informática e Gestão. Já o departamento de Ciências da Saúde é composto pelos cursos de Ciências Farmacêuticas, Medicina, Medicina Dentária, Enfermagem e Obstetrícia e Fisioterapia.

O PAÍS apurou que, para justificar a tradição, a Jean Piaget con templa ainda o Propedêutico, um curso não universitário, que visa a formação complementar para a capacitação dos estudantes para os cursos de saúde, num período correspondente a um ano lectivo.

O administrador geral da Universidade Jean Piaget apontou em 682 o número de docentes da instituição que dirige e 10 mil discentes repartidos entre os pólos universitários de Viana, em Luanda, e Benguela. Os estudantes pagam entre 250 e 350 dólares americanos, além dos 50 e 250 pagos para a inscrição na primeira matrícula.

“Os finalistas desta universidade não têm razões de queixa no que toca aos estágios. A UNIPIAGET tem parcerias com empresas nacionais e estrangeiras para suprir as dificuldades destas, um indicador que proporciona já um emprego depois de se terminar um curso”, garantiu José Rocha.

E gabou-se “os quadros formados aqui estão um pouco por todos os órgãos do Estado. Até temos estudantes a finalizarem este ano lectivo já estão empregados por esforço da universidade”.

Segundo o seu responsável, a UNIPIAGET sempre sobreviveu em estruturas próprias, algo que pode ser comprovado com o actual Campus Universitário de Viana ainda em construção. Está apetrechado com laboratórios, auditórios, anfiteatros e salas de aula.

Além de Luanda e Benguela, cidades onde possui representações, a Universidade Jean Piaget vai expandir-se em breve à cidade do Lubango, na Huíla, onde está em curso o programa de construção de mais um Campus.

4 respostas a Jean Piaget: A pioneira do privado

  1. É preciso deixar algumas praticas que pouco dignifica a universidade privada e em muitos casos colocando os valores monetario a sima dos estudantes e da formação , se queremos desenvolver e melhorar a faculdade em si .

  2. Marcelo Silas Jones

    é simplesmente a universidade ideal para quem quer fazer o ensino superior em Angola

  3. gostei,da administração e dos procedimentos que a intituição tem implemenado,eu gostaria mesmo de saber se por ventura o aluno tiver que se deslocar do país para um outro país no estrageiro da-se tranferencia,e em quantos paises a jean piaget se emcotra.

  4. eu acho que devia se deixar criar mais universidades sim, ate porque ainda tem muitos estudantes que querem entrar na faculdade e nao conseguem.
    Estamos numa nacao liberal democratica e nao entendo porque que o governo continua a criar transtornos aos privados que vem com ideias de ensinar e formar,mas da abertura pra aqueles que vem fazer comercio com produtos falsos.Assim nao vamos a lado nenhum pois a formacao e’ mais importante.

Deixar uma resposta

Fill in your details below or click an icon to log in:

Gravatar
WordPress.com Logo

Inicie a sessão no WordPress.com para publicar um comentário no seu blog.

Imagem do Twitter

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Modificar )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Modificar )

Connecting to %s